Reeducação alimentar para emagrecer - como fazer, cardápio e receitas

reducacao-alimentar mini 

Quer emagrecer de forma saudável e sem o efeito sanfona, a reeducação alimentar é uma aliada do emagrecimento saudável. Se esta pronta de verdade para perder peso e não velo voltar depois é muito simples confira tudo para uma reeducação alimentar de sucesso. Além de ajudar na perda de peso, a reeducação alimentar é importante para a saúde de qualquer pessoa.


Não é novidade para ninguém com o dia a dia cada vez mais corrido e uma vida pessoal sempre agitada seja no trabalho ou mesmo no relacionamento com nossos amigos e familiares fazer uma refeição completa e balanceada. Por isso mais que normal que quanto surge um novo método de emagrecimento, criamos muitas expectativas esperando sempre o sucesso final.

Porém observamos uma tendência de potencializar essas expectativas a ponto de causar em nós mesmos uma grande decepção. Idealizamos, sonhamos e perdemos a noção do que é real e possível em nossa nova empreitada nutricional, e acabamos sofrendo, pois a realidade nos causa uma grande desilusão.


FICA A DICA:

Não adianta pensar em soluções mirabolantes para perder peso ou turbinar o cardápio. Refeições simples e nutritivas requerem disciplina.

banner-face-dieta

 

Uma dos fatores que pode ser indicado como o mais seguro para evitar desilusões pós-dieta, é fazer uma avaliação dos pró e contras. É necessário sair ter um olhar de espectador e ficar apenas observando.

Em uma reeducação alimentar este processo se torna muito importante, pois algumas dietas são contrárias as nossas atividades do dia a dia como trabalhar bastante ou simplesmente ter que se concentrar no estudo. Então faça o certo desde o começo. Tenha em mente que comer é para se nutrir e não para se empanturrar. Muitas vezes comemos para preencher um vazio, comemos simplesmente porque estamos ansiosos ou mesmo ociosos, para que você realmente perca peso com saúde esqueça esse tipo de pratica.


reducacao-alimentar-cardapio


O mais importante é saber quais são suas limitações para que você poça traçar metas realistas, para que a frustração não seja obstáculo diante da sua determinação de vencer. Emagrecer aos poucos é a melhor forma de manter o peso em longo prazo, lembrando que dietas milagrosas em sua maioria são muito restritivas e podem em alguns casos podem levar a compulsão alimentar, com isso final de tudo pode ocorrer o atraso em seu objetivo inicial que é a perda de peso.

A reeducação alimentar também passa por um processo de reeducação emocional para que tudo ocorra bem as duas tem que andar lado a lado para que no final o sucesso seja 100% e você realmente consiga perder peso. Pois quanto você inicia uma reeducação alimentar seu maior objetivo é aprender a comer de forma adequada, somente por fome, e sentir-se tranquila (o) com as escolhas alimentares.


FICA A DICA:

È importante que se policie para que a redução alimentar de realmente certo. Acompanhe diariamente que tipo de alimento que esta ingerindo, assim será mais fácil tomar decisões na sua próxima refeição.



Dicas que contribuem para uma reeducação alimentar de sucesso:


È importante aprender identificar quando se tem fome ou vontade de comer:

Quanto sentimos fome temos uma sensação ruim, é como se fosse um nó. Já é somente vontade de comer qualquer coisa, esta vontade continua mesmo depois de ingerimos mais comida, e voltamos à geladeira, ao armário a procura de mais alimento.


Aprender a colocar para fora os sentimentos que incomodam:

Tenha em mente que é necessário resolver tudo na hora. "Os famosos engolidores de sapo" engolem junto com a comida aquilo que não conseguem colocar para fora. Uma dica legal é sempre se servir uma vez só, de forma equilibrada e com qualidade.


O planejamento alimentar é importante e necessário:

Estabeleça um dia da semana para fazer suas compras. Faça uma lista de alimentos magros, adequados ao seu processo de emagrecimento. Organize seu armário, não armazenando alimentos que nos fazem perder o controle ou que aumentem a nossa quantidade de calorias diárias sem necessidade.


nova-dieta-rapida-- mini


Dicas importantes que podem fazer a diferença em uma reeducação alimentar:

 

  • Beber água sempre que tiver sede, procure não pular este processo a água além de hidratar sacia a fome;
  • Gosta dos lanches que são vendidos em posto de gasolina ou mesmo no McDonalds, esse pode ser o limite entre o sucesso e o fracasso de uma reeducação alimentar;
  • Sempre que possível evite consumir refrigerante mesmos os light ou sucos industrializados, de preferência a sucos naturais eles vão de deixar com a sensação de barriga cheia por mais tempo;
  • Mesmo que devagar inclua alimentos integrais as suas refeições, como Pães, arroz e cereais;
  • Frituras e gorduras devem ser evitados ao Maximo, mesmo que em pequenas porções elas sempre fazem mal;


Reeducação alimentar receitas:


Macarrão com pimentões e azeite.

Ingredientes:

  • 250g Espaguete;
  • ¼ Pimentão verde;
  • ¼ Pimentão amarelo;
  • 1 colher de chá de alho triturado;
  • 1 colher de sopa de azeite;
  • 7 azeitonas;
  • Sal a gosto.

Modo de fazer:

  • Em uma panela cozinhe o macarrão e reserve.
  • Corte os pimentões em cubos e pique as azeitonas.
  • Em uma panela coloque o azeite, refogue o alho e adicione os pimentões e azeitonas, frite tudo e quando os pimentões estiverem no ponto (não muito mole nem muito crocante), misture o macarrão e frite rapidamente.


reducacao-alimentar-cardapio1

Berinjela à Milanesa

Ingredientes:

  • 1 Berinjela;
  • 2 Ovos;
  • 1 Xícara (chá) de Farinha de Rosca;
  • Sal á gosto;
  • Pimenta á gosto;
  • Orégano á gosto;
  • Óleo para fritar.


Modo de preparar:

  • Corte a berinjela em rodelas ou em pequenos cubos, coloque em uma peneira e polvilhe sal, deixe descansando por 15min ou até ela liberar um caldo escuro.
  • Bata ligeiramente os ovos e tempere essa mistura.
  • Passe as fatias nos ovos e depois na farinha de rosca, passe novamente nos ovos e depois na farinha de rosca, retire o excesso e reserve.
  • Frite em óleo bem quente para não encharcar e deixe escorrer em papel absorvente.

Observações

  • Para ficar mais crocante use farinha de rosca feita de pão.
  • Cortada em rodelas é ideal para acompanhar refeições e em cubos ou palito para aperitivo.
  • Se desejar pode congelar, coloque em uma forma e leve aberto para o freezer, assim que ficar firme coloque em um saco e feche bem.
  • Frite ele congelado.


Panqueca de Banana com aveia e linhaça


Ingredientes:

  • 2 colheres sopa de farinha de aveia;
  • 1 colheres sopa de linhaça (semente ou moída);
  • 2 claras (ou 1 ovo);
  • 1 banana (bem madura, pra ficar docinha);
  • 1 pitadinha de adoçante culinário (opcional).


Modo de preparo:

  • Misture a farinha de aveia com a linhaça.
  • Coloque o adoçante se necessário.
  • Misture as 2 claras e a banana bem amassadinha.
  • Mexa bem até que a massa fique bem homogênea.
  • Coloque pequenas porções na frigideira para fazer vários discos ou faça um grande, deixe a massa doura a parte de baixe e só depois vire para dourar o outro lado.

Observações

  • Você pode adicionar um pouco de água, a massa vai ficar mais levinha e fininha.
  • Se preferir troque o adoçante por canela e jura que fica uma delicia.
  • Você pode comer quentinha feita na hora ou na noite anterior.
  • Informação Nutricional

Calorias: 280 por panqueca

 

                             

 

Abaixo você confere algumas dicas de alimentos e como usar a reeducação alimentar a seu favor:

 

 


banner-animado-anel

 

banner-gostou-dieta


Leia Também:

Gostou? Receba as nossas postagens no seu E-mail:

 

Cadastre seu e-mail


Cadastre-se e fique por dentro das nossas atualizações direto no seu e-mail.

Cadastre seu e-mail: